• Publicado em: Blog
Assuntos:

A DOENÇA

A catarata é a principal causa de cegueira no mundo. Em pacientes diabéticos, ela é de 2 a 5 vezes mais frequente e se desenvolve mais precocemente. Além da cirurgia de catarata restabelecer a transparência de meios, melhorando a acuidade visual, possibilita também um melhor acompanhamento e tratamento da retinopatia diabética. Cuidados específicos no pré, per e pós-operatórios são essenciais para lograr melhores resultados visuais.

  • Publicado em: Blog

A DOENÇA

A catarata e o glaucoma são condições que mostram prevalência crescente com o envelhecimento. É de se esperar que, com o passar dos anos, muitos pacientes com glaucoma desenvolvam catarata de forma natural e/ou como resultado dos efeitos da terapia antiglaucomatosa.

  • Publicado em: Blog

A DOENÇA

Pacientes alto hipermétropes possuem caracteristicamente olhos pequenos, também denominados microftálmicos. A microftalmia ocorre em 0,046% a 0,11% dos pacientes oftalmológicos. Como  consequência do comprimento axial reduzido e, por vezes, de malformações anatômicas associadas, a cirurgia de catarata nesses olhos apresenta maiores desafios e maior índice de complicações quando comparada a olhos de comprimento axial normal.

  • Publicado em: Blog
Assuntos:

A DOENÇA

A catarata é uma doença que atinge o cristalino, tornando-o opaco ou perdendo a sua transparência, e que pode, ou não, comprometer a visão do portador. A miopia é um erro de refração, no qual os raios paralelos dirigem-se para um foco a frente da camada sensível da retina quando o olho encontra-se em repouso. É um olho relativamente grande.

  • Publicado em: Blog

INTRODUÇÃO

A cirurgia de catarata é o procedimento refrativo mais comum na oftalmologia. Estima-se que de 15% a 29% dos pacientes que vão ser submetidos à cirurgia de catarata apresentem pelo menos 1,5 DC de astigmatismo corneano. Qualquer astigmatismo pré-operativo corneano deve ser considerado para correção durante a cirurgia de catarata. O planejamento cirúrgico da cirurgia da catarata deve incluir uma meticulosa avaliação da curvatura corneana, tamanho e localização da incisão e o astigmatismo induzido pelo cirurgião.

  • Publicado em: Blog

A DOENÇA

Termo introduzido por Stellwag, em 1856, a Ectopia lentis (EL) representa as distopias lenticulares caracterizadas pelo deslocamento do cristalino de sua posição anatômica, central no eixo óptico. Possuem basicamente 2 formas de apresentação:

  • Publicado em: Blog
Assuntos:

A DOENÇA

A catarata congênita tem como característica principal a opacidade do cristalino presente ao nascimento. A catarata pode também surgir após o nascimento, o que se chama de catarata de desenvolvimento ou catarata infantil. Ela representa uma das principais causas de baixa visão em crianças. Estima-se a incidência na população geral de 0,4% e cerca de 12% nos portadores da Síndrome de Down. Estudos mostram que a incidência da catarata em recém-nascidos varia de 1,2 até 6/10.000.

  • Publicado em: Blog

A DOENÇA

Luxação congênita do cristalino

A luxação congênita do cristalino, ou também ectopia lentis congênita, pode ser definida como o deslocamento do cristalino da sua posição anatômica normal. Embriologicamente, o placódio do cristalino não apresenta alteração na sua formação, porém as fibras zonulares formadas durante o período embrionário apresentam uma fragilidade ou ausência, que caracteriza o quadro de posicionamento cristaliniano anormal.

  • Publicado em: Blog

O que é o Salão de Negócios da Acessibilidade Reabilitação e Inclusão Social?

O 3º Salão de Negócios da Acessibilidade Reabilitação e Inclusão Social, realizado pela Cooperativa Central de Apoio ao Sistema ECOSOL no Distrito Federal – ECOSOL Base Brasília é uma feira de negócios inclusivos para promover oportunidades de trabalho e renda voltados para as demandas das pessoas com deficiência.  Promoverá o empreendedorismo, a geração de renda para pessoas com deficiência, a identificação e  a exposição de produtos e serviços para as demandas desse segmento.

  • Publicado em: Blog

As desordens do nervo óptico ou neuropatias ópticas englobam um grupo de doenças que podem ameaçar seriamente a visão. Elas podem ocorrer de forma isolada ou fazer parte de um quadro neurológico ou sistêmico. Além do glaucoma, que também atinge o nervo óptico num padrão característico, as principais neuropatias ópticas são:

  • Publicado em: Blog

Nos dias 07 e 08 de agosto o CBV participou do VII Encontro da Saúde PGT – MPT. Na ocasião mais de 300 pessoas, entre eles, servidores e terceirizados, foram orientados quanto aos cuidados com a saúde dos olhos. Além de terem acesso às informações sobre as doenças da visão, os presentes fizeram a verificação da pressão intraocular.

Página 8 de 13