Para se ter segurança no uso de lentes de contato, é fundamental que esteja bem adaptada, com curvatura, diâmetro, grau e material próprio para cada caso.

A perda da visão parcial que não pode ser corrigida causa uma disfunção por baixa visão. Uma pessoa com baixa visão tem a acuidade visual reduzida, baixa sensibilidade ao contraste ou uma diminuição significativa do campo visual. Pode também apresentar os três sintomas ao mesmo tempo.

O ceratocone é uma doença que afeta a córnea, porção anterior dos olhos, transparente, que permite a entrada da luz para que possamos ver os objetos.

A correção do desalinhamento ocular (estrabismo) é realizada através de diversas técnicas cirúrgicas em que se busca conseguir um novo equilíbrio dos músculos oculares para permitir um melhor alinhamento ocular.

Há trinta anos, falar sobre o tratamento do Glaucoma se resumia apenas em um medicamento com difícil aceitação pelos pacientes devido aos fortes efeitos colaterais. Havia também um procedimento cirúrgico que trazia limitações ao paciente e que só era utilizado em casos avançados devido ao alto risco de complicações e à imprevisibilidade de resultados. Talvez por esse motivo, muitas pessoas acreditam que o Glaucoma conduza inevitavelmente à perda irreversível da visão e que “não há tratamento seguro para a doença”.

A mácula é um ponto no centro da retina, responsável pela visão para a leitura, para as cores e para outras tarefas refinadas. A membrana epirretiniana acomete a mácula e geralmente ocorre em indivíduos com mais de 50 anos, na maioria das vezes em mulheres.

A reabilitação visual pode ajudar na superação de desafios dos pacientes com Degeneração Macular Relacionada à Idade (DMRI).

A reabilitação visual pode ajudar na superação de desafios dos pacientes com a Retinopatia Diabética.

A reabilitação visual pode ajudá-lo a superar os desafios de viver com Retinose Pigmentar.

A reabilitação visual pode ajudar na superação dos desafios de pacientes com Glaucoma.

Proveniente do diabetes, a retinoplastia diabética se dá pelo rompimento dos vasos sanguíneos da retina, causando hemorragia e infiltração de gordura em seu interior.

A córnea é a camada mais externa do globo ocular e, associada à ação do cristalino, focaliza a imagem adequadamente sobre a retina. Ela funciona como uma lente e é comprometida a medida em que vai perdendo sua transparência. A opacidade da córnea prejudica a visão, deixando-a turva e dificultando a percepção de formas.

O que é Uveíte?

Dentro do olho existe um conjunto de estruturas que são a íris (parte colorida dos olhos), corpo ciliar (produz o humor aquoso, líquido que preenche a parte anterior do olho) e a coróide (parte vascular situada adjacente à retina). Esta três estruturas compõem o trato uveal ou a úvea. As uveítes são, basicamente, a inflamação de uma ou mais destas estruturas. O nervo óptico e a retina também podem ser afetados.

Dizemos que uma pessoa tem visão subnormal quando os recursos tradicionais, como lentes de contato, óculos comuns, intervenções clínicas e cirúrgicas, não podem dar uma visão nítida ao paciente, necessitando, portanto, de recursos especiais e orientações para a realização de suas atividades e melhor qualidade de vida.