Principais causas do glaucoma?

O glaucoma é uma doença ocular que afeta o nervo óptico e pode levar à perda irreversível da visão. De acordo com a Organização Mundial da Saúde, é a segunda principal causa de cegueira no mundo. Por isso, é importante entender as principais causas do glaucoma e como preveni-lo.

A principal causa do glaucoma é o aumento da pressão intraocular, que ocorre quando o líquido dentro do olho não é drenado adequadamente. No entanto, há também outros fatores de risco que podem contribuir para o desenvolvimento da doença, tais como idade avançada, histórico familiar de glaucoma, uso prolongado de corticoides, miopia elevada e doenças como diabetes e hipertensão arterial.

É importante ressaltar que o glaucoma pode ser assintomático em seus estágios iniciais, o que torna o diagnóstico precoce fundamental para o sucesso do tratamento. Por isso, recomenda-se que todas as pessoas acima dos 40 anos de idade, ou com histórico familiar de glaucoma, realizem exames oftalmológicos regulares, que incluem aferição da pressão intraocular e avaliação do nervo óptico.

O tratamento do glaucoma varia de acordo com o estágio da doença e pode incluir o uso de colírios, laser ou cirurgia. Além disso, é fundamental adotar hábitos saudáveis, como praticar atividades físicas regulares, manter uma alimentação balanceada e controlar doenças como diabetes e hipertensão arterial, que podem contribuir para o desenvolvimento do glaucoma.

Em resumo, as principais causas do glaucoma são o aumento da pressão intraocular e fatores de risco como idade avançada, histórico familiar de glaucoma e doenças crônicas. A prevenção e o diagnóstico precoce são fundamentais para o sucesso do tratamento e para a preservação da visão. Por isso, não deixe de consultar um oftalmologista regularmente e adotar hábitos saudáveis para a saúde ocular.