Quais crenças populares realmente ajudam a saúde dos olhos?

O que não faltam são crenças populares sobre todos os aspectos da vida. Mas será que essas sobre a saúde dos olhos são realmente verdade?

A maioria das pessoas já ouviu pelo menos uma crença popular e, em alguns casos, tomou-a como verdade para a vida toda, mesmo não sabendo o motivo de determinada coisa fazer mal. Elas vão desde de leite com manga mata, até algumas coisas relacionadas com a saúde de determinada parte do corpo, seja cabeça, membros, ou olhos.

 

Por exemplo, com relação aos olhos existe uma crença que diz que para tratar um terçol basta passar um anel de ouro aquecido em cima. Essa é somente uma das várias crenças, receitas caseiras e fórmulas “infalíveis” de curar algum problema relacionado com os olhos. Contudo, várias delas podem acabar fazendo o contrário do que prometem e acabar causando danos para a saúde ocular.

Mesmo que seja uma coisa de extrema importância, a saúde dos olhos ainda é bem negligenciada. De acordo com os dados do Ibope, 34% dos brasileiros nunca foram ao oftalmologista, e 74% apenas procuram o profissional quando têm alguma dificuldade de enxergar.

Justamente por isso que é bom que algumas crenças sobre a saúde ocular sejam desmistificadas e ditas se realmente são verdade ou não. Para isso, a médica oftalmologista Juliana Lasneaux, do CBV – Hospital de Olhos, falou um pouco sobre algumas delas.

Verdade ou mito?

É necessário ir ao oftalmologista anualmente, mesmo sem nenhum sintoma

Verdade! Essa visita é necessária porque as doenças mais perigosas para a visão e saúde ocular são silenciosas. Ou seja, quando elas começam a apresentar sintomas é porque já estão em estágios mais avançados. E assim como outras doenças, as que acometem os olhos também têm um tratamento mais eficaz quando são diagnosticadas precocemente.

“No exame oftalmológico aferimos a visão, pressão ocular e examinamos o fundo do olho, o que ajuda na prevenção de doenças e no tratamento quando necessário”, disse Juliana.

Por conta disso é preciso que a pessoa vá ao oftalmologista todos os anos.

Anel quente realmente cura terçol?

Mentira! Essa pode até ser fácil de as pessoas deduzirem que é mentira, mas muitos tomam a crença como verdade. O terçol é o nome popular dado a hordéolo, que é uma inflamação de glândulas sebáceas da pálpebra, dolorosa e purulenta. Par que ele seja tratado é preciso medicamentos, sejam eles tópicos ou orais. E o imprescindível são compressas mornas.

 

“O anel quente é uma fonte de calor (não muito eficaz, mas é). Embora o calor auxilie, o que cura o terçol são compressas mornas”, ressaltou a médica.

O importante é lembrar que no caso de terçol, ou de qualquer outro problema nos olhos, é necessário procurar um médico oftalmologista. Ele conseguirá avaliar a situação e recomendar o que é mais adequado se fazer.

Usar óculos de grau de outro faz mal

Verdade! Mesmo que seja uma prática bem comum, pegar emprestado o óculos de grau de outra pessoa é bem prejudicial para os olhos. Isso porque é somente o médico quem pode prescrever tanto óculos como lentes de contato. Até porque, cada pessoa tem a distância entre os olhos e o eixo do grau dos óculos diferentes umas das outras. Por isso que se o óculos não for da pessoa, ele pode dar fadiga, tontura e até dores de cabeça.

“Quando alguém usa os óculos de outra pessoa, seus olhos tentarão acomodar para buscar o foco, causando assim desconforto e sendo prejudicial para saúde dos olhos”, alertou Juliana.

 

“Cruzar os olhos” e tomar vento causa estrabismo

Mentira! Quem tem estrabismo tem um distúrbio em que os olhos apontam para direções diferentes. Isso acontece quando existe uma disfunção dos músculos extraoculares. Ela pode ser causada por várias coisas, mas o vento não é uma delas.

 

Conforme explica Juliana, a movimentação dos olhos é feita através de músculos, portanto, não existe como o vento interferir nessa função.

Comer cenoura previne problemas de visão

Verdade! Mesmo que pareça somente algo inventado para crianças comerem vegetais, a cenoura é rica em vitamina A, que é parte da fisiologia da visão. Além disso, a sua falta causa cegueira.

Por isso que a médica ressalta que se deve ter uma dieta balanceada e rica em vitaminas e antioxidantes fundamentais para o bom funcionamento de todo o organismo, incluindo os olhos.

Publicado em: Fatos Desconhecidos